we're desperate to survive [an all along the watchtower mix]
tsuna
memoiress
Meu presentinho pras lindíssimas latrodectism e t_funster: um fst da melhor fic de todos os tempos, All Along the Watchtower. Pra quem está por fora, é uma fic de Saint Seiya que se passa numa hipotética ditadura na Grécia. Freakin' awesome, right? Super recomendo que qualquer pessoa que ler isso aqui dê uma olhada no perfil dela do FF.

Meninas, foi com amor que eu aprontei essa. xD Algumas escolhas vão parecer um pouco deslocadas e, no fim das contas, não consegui passar a atmosfera de tensão como eu gostaria... Mas é pra isso que eu fiz só as primeiras duas partes por enquanto. =D A Queda eu vou esperar ler pra poder me situar. \o/ Enfim, espero que gostem. =)




(click the images to enlarge)


We're Desperate to Survive
- an all along the watchtower fanmix -


ACT ONE: we silence and we bury
 
- Algo precisa ser feito – comentou, não fazendo muito caso da preocupação dele.

- Eu não queria ser ministro tanto assim. Estou bem em minha posição.

- Matar o Aiolos – disse, finalmente, olhando fixo para o armário, a voz distraída. Ignorou o último comentário de Saga. – Isso é o que precisa ser feito.

Saga teria rido, se não pudesse perceber que ele não estava brincando. Kanon sorria, mas parecia determinado. Aumentou o aperto no ombro de Saga, trazendo-o para perto de si como um pai acolhedor.


Ascenção, Capítulo 2


01. Somnus Nemuris (yoko shimomura)

Tellus dormit
et liberi in diem faciunt
numquam extinguunt
ne expergisci possint
As palavras de Saga retumbavam em sua cabeça. Mesmo tendo mais vontade de pular pela janela do que levantar, foi até o armário e pegou um dos ternos de Saga. Colocou uma gravata em tom parecido, pegou seu celular, a carteira e saiu da casa.
Ele poderia odiá-lo pelo resto de sua vida, mas não o deixaria perder aquela eleição.

Capítulo 2



02. Bernini's Angels (kerry muzzey)
[Instrumental]



Eram sete horas da manhã, mas Shura acordou com o coração disparado, a camiseta molhada de suor e os olhos arregalados. Não tinha certeza o que acontecera no pesadelo, mas fora o suficiente para acabar com qualquer vontade que tinha de dormir até as oito e quarenta e cinco.
Capítulo 4


03. Doctor Blind (emily haines & the soft skeleton)


The lack of light, hollow sea,
Poison beaches, limousines

Toothless dentists, cops that kill... 



- Saga – falou, quase suave, sentindo as mãos dele afrouxarem o aperto em sua roupa. Se olharam por alguns momentos, sem dizer nada. Kanon levou a mão ao rosto dele. Empurrou sua boca fechada contra a os lábios apertados de Saga. Segurava sua cabeça com as duas mãos e o trazia para perto, retesando o rosto e fechando os olhos. – Nós somos nossa única família. Podemos ser tão diferentes quanto um anjo e um demônio, mas eu não sacanearia você nunca.
Capítulo 2


04. Lone Wolf (eels)

I am a lone wolf

It blows my mind

That people wanna try to get inside my tired head

I am a lone wolf

- Ei, posso te perguntar uma coisa?

De novo. Nada. Decidiu que cada vez que ele não respondesse, tomaria como um "Sim, vá em frente, por favor".

- Por que você repetia tanto "Saga"? É por culpa dele que você 'tá aqui?
Interlúdio


05. Sprawl II (mountains beyond mountains) (arcade fire)

 They heard me singing and they told me to stop

Quit these pretentious things and just punch the clock

These days my life, I feel it has no purpose

But late at night the feelings swim to the surface

'Cause on the surface the city lights shine

They're calling at me, come and find your kind

Sometimes I wonder if the world's so small

That we can never get away from the sprawl 



Mal havia acabado a palavra "deus" e ouviu o barulho da porta sendo aberta, cortando sua nova frase. Olhou para o lado. Quatro policiais entraram com deselegância, ignorando qualquer bom dia ou explicação. Os alunos contiveram a respiração vendo o que parecia ser o chefe se aproximar do professor.
Apogeu, Capítulo 1


06. Pioneer to the Falls (interpol)
Show me the dirt pile

And I will pray that the soul can take

Three stowaways

Vanish with no guile

And I will not pay

But the soul can wait

The soul can wait 

Deu alguns passos para o lado e abaixou-se, batendo duas vezes no chão com as mãos. Sorria abertamente, os olhos avermelhados pelo álcool, o prazer enchendo seu peito. Embalou o sono de Saga com seu tom doce e aceitou com satisfação e risadas as lembranças de dois homens mortos.
- Saga? – ouviu Gigas perguntar com voz eufórica, quando se ajoelhou ao seu lado.
- Eu mesmo – deu um risada rouca, mostrando os dentes brancos. Esfregou os olhos aumentando a vermelhidão, e pegou mais uma taça de vinho.
Saga havia entrado, mas agora era a vez de Ares sair da roda.
Capítulo 4



ACT TWO: riot-makers

- Ela não se irrita tão fácil – disse, mesmo sem estar realmente certo do que falava. – Quem pode ser tão irascível assim?

Ele – sorriu de novo, como se contasse uma piada engraçada. – Espera que a gente já 'tá chegando.

Ele não mentia, já que não passaram nem cinco minutos e Ikki estacionou o carro. Falou um "Pode tirar" em voz baixa e ele devolveu os óculos de sol com as lentes pintadas para o outro, bastante curioso. Saiu do carro e olhou à sua volta. Era um hotel de estrada, e um hotel particularmente vagabundo, com várias casinhas minúsculas lado a lado. Ikki seguiu até a terceira casa sem olhá-lo, tirando uma única chave numerada do bolso e abrindo a porta com cuidado.

Apogeu, Capítulo 2
07. Many Funerals (eisley)

Young and agile, seaside born
My parents death did I dear mourn
Now in this wicked world risk I

Bold endeavors by and by

Aiolia balançou a cabeça, entrando e tentando chegar ao gabinete o mais rápido possível. Como havia previsto, não havia ninguém lá. Jogou-se na cadeira, olhando de relance para a sala de Shura, perto da sua. Lembrava-se do relato ansioso dele, de sua camisa branca manchada de sangue, das palavras sem nexo que ele dizia olhando para o chão, sem conseguir encará-lo. "Aiolos Karamanlis, assassinado".


Não queria acreditar nisso, ou melhor, não podia acreditar nisso. Se o fizesse, sua fidelidade seria colocada em jogo. Não poderia ficar mais lá sem querer matar todos. De qualquer forma, não fazia sentido, era só seu subconsciente querendo uma desculpa para pensar que Aiolos não havia feito isso, não havia escolhido deixá-lo por vontade própria...
Capítulo 9


08. Panic Switch (silversun pickups)

When you see yourself in a crowded room

Do your fingers itch, are you pistol whipped?

Will you step in line or release the glitch?

Can you fall asleep with a panic switch?


Com impulso e força, tentou fazer a cadeira à qual estava preso ir para o lado, para ver se Krishna estava bem. Os hematomas eram evidentes na pele morena nua, e seu sangue formava uma poça no chão.
Capitulo 10


09. A Place to Hide (white lies)

Could I sit alone and ask about my future?

When you replied I'd just turn away

I've been searching through my books to try and find some truth

Perhaps disguise is a mysterious way?

And if I made a promise

Could I stay by your side?

Would you guarantee my safety

And say that I'd be alright?

Saiu correndo, subindo as escadas de emergência do edifício no final do beco, quase tropeçando nos degraus. Só parou ao chegar na cima do prédio de cinco andares, mal conseguindo respirar. Olhou para baixo. Ninguém o havia seguido e o carro havia ido embora.
- Você 'tá fodido e mal pago, Ikki – falou sozinho tentando se consolar, sentando no chão e respirando com força.
E o pior de tudo era que, dessa vez, sabia que isso era verdade.
Capítulo 6


10. I Want to Hear What You've Got to Say (the subways)

My mind is all made up, I'm doing all I can

I'm trying hard to think, but I can't understand

Why everytime I see you

You just walk away

And still the world is turning

I will not complain

- Algo me diz que você só veio aqui para comer.
- Não apenas, mas também – Ikki sorriu de novo. – Eu disse que ia convencer você, não disse?
- E ainda não conseguiu nada.
Ikki abocanhou os últimos pedaços, e empurrou o prato para o lado.
- Se não tivesse conseguido nada, você não teria dito "ainda".
Capítulo 12


11. Time for Heroes (the libertines)

But there's a rumour spread nasty disease around town

Caught around the houses with your trousers down

A head rush in the bush

You know I cherish you my love

Oh how I cherish you my love

- Se você sabe que nós não fizemos nada errado, por que fizeram ficha e nos mantém há três dias presos? Se fosse apenas pra ajudar, nós não teríamos ficha criminal, pelo contrário.
- Ah – Milo sorriu de lado, levantando e se aproximando mais. – Retiro o que disse. 'Tô vendo que tem um engraçadinho aqui.
Capítulo 4


12. Runs in the Family (amanda palmer)

Me?

Well, I'm well.

Well, I mean I'm in hell.

Well, I still have my health

(At least that's what they tell me)

If wellness is this, what in hell's name is sickness?

But business is business!


Seu lábio inferior tremeu diante da visão. O lanche se revirou em seu estômago e quase voltou para a garganta. Tocou de leve no rosto dele, colocando a faixa de volta com gentileza.
- Eu vou levar você pra um lugar seguro agora, eu prometo.
- Shunrei... – ele tentou falar, mas ela o parou com um beijo rápido em sua boca. – Shunrei, eu não consigo...
- Eu sei, amor, eu sei – não conseguia mais controlar as lágrimas, mas conseguiu engolir os soluços. Não podia chorar agora, não por ele. Precisava ser forte. Se ele não tinha mais olhos, ela seria os dele até o fim, porque ele precisava dela mais do que nunca. – Segura minha mão.
Deu a mão para ele, fazendo-o abraçar seu braço para guiá-lo.
Capítulo 10



13. Full Moon (the black ghosts)

When the thorn bush turns white that's when I'll come home

I am going out to see what I can sow

And I don't know where I'll go

And I don't know what I'll see

But I'll try not to bring it back home with me


- Shun, cala a boca e me ouve.
- Mas...
- Que parte de calar a boca você não entendeu? – desafivelou o cinto e o deixou sobre o sofá, junto com os tênis que tirou com a ajuda dos calcanhares. – Shun. Eu vou voltar. Mas se você continuar com essa choradeira, eu nunca mais venho pra cá. Eu preciso dessa ajuda, não de uma pedra no meu sapato. Já me vale ter uma pedra enorme chamada Saga.
- Desculpa – pediu, passando a mão no cabelo castanho claro, um pouco nervoso. – Eu preparo o banho pra você.
Capítulo 3

14. Paris is Burning (st. vincent)
They say, "I'm on your side

"When nobody is, 'cause nobody is

"Come sit right here and sleep

"While I slip poison in your ear"

We are waiting on a telegram

To give us news of the fall

I am sorry to report

Dear Paris is burning after all


Olhou para cima, direto para a câmera. Sorriu mais, o som vindo do fundo de sua garganta. A dor era inevitável, mas sequer se importou com ela, a sensação de satisfação enchendo seu peito. Sem deixar de olhar para lá, moveu os lábios sem dizer nada, esperando que ele conseguisse entender ao vê-lo mais tarde:

- Essa é pra você, Saga.
Capítulo 9

BONUS TRACK. In Our Bedroom After the War (stars)




READ THIS FIRST
muuku
memoiress
If you pay attention you'll soon notice that I hardly even update this page. Actually, I only have this LJ account so that I could comment on other people's journals. If you want to find me, try one of the following links:

augustborn [a mix to a friend]
pikachu
memoiress
Esse ano eu decidi fazer algo diferente estou na minha casa, na Europa, com meus bons drinks. Repara que foi a música que nos uniu desde os tempos de Cultura Inglesa, quando tu tava saindo da tua fase Offspring e começando a ouvir Interpol e querer compartilhar o vício. Eu ainda ouvia Evanescence nessa época, então foi uma diferença bem gritante. O fato é que tu conseguiu me contaminar com a doença da música boa (muito embora tu tenhas largado Paul Banks de mão, chuinf). Quando eu penso em presentes pra ti, eu imediatamente lembro de música, não tem jeito, acho que isso não mudará tão cedo.

Enfim, o único problema é que nossos gostos musicais ainda são diferentes e tu podes terminar torcendo o nariz pra uma escolha ou outra aqui, não tem problema. Essas músicas são as que me fazem lembrar de ti, não necessariamente te fariam lembrar de ti, so whatever. *BANG NA CONFUSÃO DA FRASE ANTERIOR* Mas foi com carinho que eu passei umas noites selecionando, ouvindo, cantando Luan Santana e pensando no lindo dia 13 de agosto.

obs: Se tu disser que o cover ficou meio espalhafatoso... Ok tu tá certo, mas é que eu tive só meia hora pra fazer ele. ç_ç Releva.




look at the stars...Collapse )

Hetalia's getting the best of me
tsuna
memoiress

Sorry, Alfred, but Arthur disagrees. He always does.

So what if I've been watching Hetalia to no end for two days? What if I've learned how to screenshot only to make a huge collection of some Ludwig avatars? u_ú What if I strangely seem to love Veneziano?? xD

Okay, I know DGM's return deserved the highlights of this post, but I suddenly fell in love with Hetalia, so I'll let DGM for another one. So what did I do while I watched Hatalia and hurried for classes (because I had lost sense of time)? Avatars. xD About 20 avatars of this series, only because I felt like doing it (and I usually don't do many).

Hetalia [19]
TEASERS:


Nee, Doitsu! Doitsu!Collapse )

Concerning Harry Potter's newest movie
goku
memoiress

Emo Draco is EMO.

So I did watch the sixth movie from the HP's franchise, and, against all odds, liked it very much. Of course, they DID cut out some of the best parts of the book, but still I found it a very enjoyable movie with nicely done touches of horror here and there. I was expecting Daniel Radcliffe's action to be just as inexpressive as it has been since the third movie (when he was a kid I used to like him more), but the whole story of the book gave him a maturity that impressed me to the point I forgot I didn't like the actor.

And it was funny, like really funny. Ron's and Lila's short affair was screened in a priceless way. Actually, a lot of the best scenes had Rupert Grint as the focus. It's a pity that Draco was so... insipid on this movie. He's one of my favorite character, but the book wasn't gracious to him on this aspect. So I had to endure emo Draco the entire film.

What else? Harry's and Ginny's romance is just as forced as in the book, maybe even more. I'm not really complaining (well, maybe I am), but they could have made better usage of the book's scenes, like the Quidditch tournament.

But nothing tops Snape. No.Thing. And the funniest is that I can't really say what is that I love so much in him, but I do. And Alan Rickman only makes everything juicier. <3

On a side note, I'm not feeling very well lately. My parent's divorce's still heavy on me, and having to go to school on vacations is just adding up to the Clarisse torture. I really, really need some real vacations. Bloody vacations, now! x_x
Tags: , ,

KHR 141 (and the new filler arc)
tsuna
memoiress
I must confess I was really anxious for the filler arc, but I can't help but to feel a bit uneasy with the whole prospect of them going back to the past again. But since Amano's already given her approval, I can only watch it. And seeing adult!Reborn will surely be awesome, after that badass face on this week's chapter's cover.

The episode was a very light one. It included more of recapitulation scenes than of the story itself, but it managed to be interesting nonetheless. And I can't express just how happy am I to see that Haru's interviews are over. XD (her voice annoys me even now) Tsuna was cute as always, by the way. <3 *makes me want to bite him*

Tags: , ,

It's a test, ma'am
tsuna
memoiress
Ah, it works. Thank you for the layout code, Aliceo, whoever you are. xD I was too lazy to make one for a LJ.

Well, this is the second livejournal I make, and I hope I don't need to create any more LJs because of me forgetting my username and the password. On a positive note, at least the old one hadn't many posts.

Actually, I've just created this one for joining communities, once some are members only. But who knows, I might end up publishing my stuff with photoshop here as well.
Tags: ,

?

Log in

No account? Create an account